terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Quando me amei de verdade...



Quando me amei de verdade, pude perceber que a minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra as minhas verdades.
Hoje sei que isso é...
Autenticidade.
(Charles Chaplin)

7 comentários:

Lita disse...

... contra as minhas verdades... grande verdade! :)

In@rq disse...

Eu cá amo-me é muito mesmo.

Mais que muito.

Sininho disse...

:) Deveríamos ser sempre a nossa primeira opção...feliz 2009 ..jinhos

Alguém disse...

Sim, é mesmo isso... :-)

beijinho

Salto-Alto disse...

Lindo lindo lindo lindo lindo!

Salto-Alto disse...

Ai homem homem... anda uma gaja a ficar tão viciada nas coisas que publicas que não colocas nada no blogue há horas e já parecem dias!

XS disse...

Diz-me lá de onde retiras estes excertos...

Related Posts with Thumbnails